.:GESE:.: APACS METÓDO REVOLUCIONÁRIO DE RECUPERAÇÃO DE PRESIDIÁRIOS ?

Adicionado 13/07/2012

terça-feira, 11 de junho de 2013

APACS METÓDO REVOLUCIONÁRIO DE RECUPERAÇÃO DE PRESIDIÁRIOS ?

As APAC’s são um método revolucionário de recuperação de presos idealizado pelo advogado Mário Ottoboni, no início da década de 70, onde liderou cerca de quinze outras pessoas preocupadas com o grave problema das prisões na cidade de São José dos Campos, no estado de São Paulo.
Atualmente o método é aplicado em vários presídios do país e não existe paralelo em termos de humanização da pena e efetiva recuperação de presos.
São doze elementos fundamentais que orientam o “Método APAC”:

1. A participação da comunidade
2. O recuperando ajudando o recuperando
3. Trabalho
4. A religião e a importância de se fazer a experiência de Deus
5. Assistência jurídica
6. Assistência à saúde
7.Valorização Humana
8. A Família
9. O Serviço Voluntário
10. CRS – Centro de Reintegração Social
11. Mérito
12. Jornada de Libertação com Cristo

APAC Itaúna
Na primavera de 1984, um grupo de cristãos itaunenses resolveu abraçar a causa dos presos. Reunidos no quintal da antiga casa paroquial de Sant’Ana, alguns homens e mulheres de forte personalidade e ideal cristão, fundaram a Pastoral Penitenciária de Itaúna. Pe. José Ferreira Neto, Pe. Luiz Carlos Amorim, Odília, Daisy Melo, Dr. Inácio Campos, Marco elísio, Valdeci, Valéria, Márcia Custódia… e tantos e tantas que, através da doação de suas vidas, tornaram possível a concretização do preceito evangélico: “Eu estava preso e você me visitou”. (Mt. 25, 36).
Atualmente é uma entidade civil, sem fins lucrativos, com personalidade jurídica própria, que tem por finalidade Recuperar o Preso, Proteger a Sociedade, Socorrer a Vítima e Promover a Justiça, e como filosofia “Matar o Criminoso e Salvar o Homem”.

Desde então, a APAC de Itaúna funciona em um prédio próprio, administrando os três regimes de cumprimento de pena: fechado, semi-aberto e aberto, sem a presença de policiais militares, civis, ou de agentes penitenciários. Com um índice de reincidência inferior a 10%, enquanto que no restante do país é de aproximadamente 80%, a APAC de Itaúna tornou-se referência a nível nacional e internacional, no tocante à recuperação de presidiários. Recebe constantemente delegações de visitantes de todo o Brasil, e de outras partes do mundo, interessados em levar o Método APAC para suas Comarcas.Atualmente a APAC de Itaúna administra 02 unidades prisionais (masculina e feminina), totalizando 180 recuperandos.

VENHA PERANTE A TUA FACE O GEMIDO DOS PRESOS... SALMOS 79/11

Um comentário: