.:GESE:.: VIVER PELA FÉ ?

Adicionado 13/07/2012

domingo, 14 de dezembro de 2014

VIVER PELA FÉ ?

Acima de tudo, o obreiro deve aprender a viver numa dimensão de fé em todos os sentidos da vida, inclusive quanto ao seu sustento. Quero analisar com você a expressão tão comum "viver pela fé", que alguns usam para distinguir o obreiro que trabalha sem salário algum, do que é assalariado da igreja, do empregado ou daquele que trabalha por conta própria.  Alguns obreiros, por não serem remunerados pela igreja local, dizem: "vivo pela fé". Mas e os demais? O pastor que é pago pela igreja não vive pela fé? O irmão que trabalha por conta própria na sua barbearia, no salão de beleza, na banca da feira, no escritório, etc., não vive por fé? Todos vivemos pela fé! Tanto o que não tem salário algum, quanto o que é assalariado, vivemos pela fé; o dono da banca precisa vender, do contrário, não come; todos precisamos que tudo vá bem, para podermos ter nosso sustento. O dono da loja precisa vender, para que o funcionário crente receba seu salário.

Mas o obreiro, quer seja assalariado pela igreja, quer viva de prebendas ou de ofertas, deve desenvolver uma forma de vida mais elevada que os demais: deve aprender a depender diretamente do próprio Deus. Aquilo que estabeleci no início, de que Deus chama - Deus paga, deve ser o norte que nos guia, o princípio central de nosso sustento. Jamais esqueça que não fomos contratados por homens, mas por Deus. Os obreiros contratados por homens, submetem-se aos homens, os que foram contratados por Deus, a Deus. E Deus tem critérios totalmente diferentes quanto ao sustento do obreiro. E mais: Deus paga melhor! Às vezes temos apenas o necessário para comer naquele dia, outras vezes abundância, mas nosso Senhor nunca nos deixa passar fome se estivermos em perfeita comunhão com ele. Nas Escrituras temos exemplos de como os servos de Deus eram supridos em suas necessidades das formas mais variadas.

O maná nunca faltou no deserto durante quarenta anos! E na quantidade exata para cada pessoa. Deus fazia a água brotar da rocha. Elias foi sustentado por corvos que lhe traziam carne e pão duas vezes ao dia. Quando o ribeiro secou, ele foi para a casa de uma viúva onde comeu por mais de um ano e meio! Deus é fiel!  Havia tantos ricos em Israel, mas Deus cuidou de Elias na casa de uma pobre viúva! Ele, ela e seu filho foram abençoados por Deus!


“Quem jamais milita à sua própria custa? Quem planta a vinha e não come do seu fruto? Ou quem apascenta o gado e não se alimenta do leite do gado? (1 Coríntios 9:7).

Nenhum comentário:

Postar um comentário